Tudo de uma vez só.

02/09/2011

Eu sou só uma alma que escolheu ficar perdida vagando por aí ao invés de tentar voltar para casa. Eu sei o caminho, todos nós sabemos, mas eu não quero seguir. Não vou olhar os mapas e seguir a direção da rua. Eu não quero viver uma coisa de cada vez, eu quero tudo ao mesmo tempo, eu quero caos,  desviar o caminho até que ele me encontre e então desviar de novo.
O mundo já está cheio de pessoas seguindo o caminho, e eu quero fazer diferente. Não quero provar para ninguém, quero fazer por mim. Eu não espero admiração ou orgulho, mas simplesmente respeito pelas escolhas que eu tomar mesmo que elas aparentemente não tenham sentido para os outros. Eu quero dar todos os passos de uma vez só. Na vida, o que vale é o risco.